Rush

500.00

Categoria:

Técnica: Acrílica sobre tela

Medida: 80x60 cm

Ano





Nicolielo

Antônio Carlos Nicolielo nasceu em Nova Europa, Estado de São Paulo, em 11 de fevereiro de 1948. Iniciou sua atividade profissional em Bauru, SP, onde estudou Direito, trabalhando como repórter, redator e chargista político dos jornais Folha do Povo, Jornal da Cidade e Diário de Bauru. Em 1970, foi para São Paulo, contratado como chargista político dos jornais Diário de São Paulo e Diário da Noite, onde permaneceu até 1975. Em 1971, foi contratado também como Diretor de Arte do Departamento de Marketing do Banco Noroeste do Estado de São Paulo, que ajudou a implantar, cuidando da elaboração de anúncios, campanhas institucionais e acompanhamento gráfico de todo o material impresso. Foi editor de arte da Revista Noroeste, onde permaneceu até 1985. De 1974 até 1979 foi capista e ilustrador da revista Visão, ao mesmo tempo em que ilustrava as revistas, Status, Viaje Bem e outras revistas institucionais. De 1985 até 1992 foi chargista e ilustrador dos jornais Folha de São Paulo e Folha da Tarde. Durante o ano de 1986 foi colaborador do semanário PASQUIM (Segunda fase) no Rio de Janeiro, Colaborou com a maioria de jornais e revistas do país. Assessorou, no campo de arte e programação visual, várias empresas na capital de São Paulo: Empresa Limpadora Paulista, Construtora Buckmann e Editora Visão. Em 1980, elaborou audiovisuais para o Congresso Brasileiro de Mídia, contratado pelas empresas Visão, Block, Editora Abril, Liceu de Artes e Oficio. Elaborou audiovisual para o Seminário Internacional de Informática de 1983. Foi Diretor de Arte na Assessoria de Imprensa da Secretaria de Habitação do Governo do Estado de São Paulo, sendo editor de arte do jornal Habitação e coordenador responsável pelo material impresso da Secretaria. Em 1985, foi escolhido e premiado por uma Comissão Editorial Européia como um dos mais importantes cartunistas do mundo, junto com Millór Fernandes (Skona Skant 170 Cartoonister Bra Brocker Editora Suécia). No exterior, publicou na revista alemã Pardon e em antologias de Caricatura no Canadá, Grécia, Alemanha, Bulgária e Polônia. Desde 1988 é afiliado ao Cartoonist & Writers Syndicate e ao The New York Times Syndicate, ambos de Nova York (EUA), que distribuem seus trabalhos para mais de 150 jornais no mundo todo. Foi chargista político dos jornais Shopping News e DCI e da revista Veja até 1999. Tem obras no Museum of History em Bonn (Alemanha); House of Humor de Gabrovo (Bulgária); Museum of American Life em Hartford (EUA); Museum of Cairo (Egito); Museo do Humor de Galícia (Espanha). De 1999 até 2002, foi o responsável da revista EcoPantanal, de Campo Grande, MS. Foi colaborador do site www.chargeonline.com.br com a maioria dos chargistas brasileiros. Chargista diário dos jornais Folha da Região de Araçatuba, do Jornal da Cidade de Bauru, do Jornal do Povo de Três Lagoas Foi colaborador da revista Futuros/Agronegócios e da Bolsa Mercantil & Futuros de São Paulo. Ministrou curso de História Universal da Caricatura na Fundação Educacional de Bauru (atual UNESP), bem como, proferiu conferências sobre o tema em diversas universidades brasileiras. Proferiu cursos de extensão universitária na Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, Faculdade de Arquitetura de Mogi das Cruzes, SESC e SENAC em São Paulo. Cronologia: (1971 - 1975) - Salon International of Caricature of Montreal CANADA. (1971) - Mostra Individual de Cartuns Bauru, SP. (1971) - Coletiva de Caricaturistas Brasileiros Paço das Artes São Paulo, SP. (1972) - Mostra individual de Cartuns Galeria do Carmo SESC São Paulo, SP (1973) - Mostra de Cartuns Centro de Artes Ribeirão Preto, SP. (1973 - 1980) - International Biennal of Cartoons of Gabrovo, tendo sido premiado em 1975 Bulgária. (1975 - 1977) - International Karikaturen Ausstelung Berlin, Alemanha. (1976) -Humor nos Eixos Galeria Globo Porto Alegre, RS. (1976) -Exposição Grande São Paulo Coletiva MASP São Paulo, SP. (1977) -International Cartoon Exhibition Atenas, Grécia. (1977) -Humor na Ecologia Mostra Individual Clube XV Santos, SP (1979) - Ano Internacional da Criança Mostra Individual MASP São Paulo, SP. (1979) - Ano Internacional da Criança Mostra Individual Centro Cultural Curitiba, PR. (1981) -Mostra Individual Galeria Nobel São Paulo, SP (1981) -Primeira Mostra do Humor Esportivo Coletiva Ribeirão Preto, SP. (1983) -Quadrinhos, Humor, Animação Coletiva Galeria Sesc São Paulo, SP (1984) -Ilustrações / Charges / Cartuns Espaço Cultural DHL São Paulo, SP. (1985) -106 Contemporary Cartoonists Exposição itinerante por diversas capitais Européias. (1985) - Salão de Humor de Piauí Teresina, PI (1994) - Movimento Histórico Através do Humor Coletiva UFMS Três Lagoas, RS (1999) - Caricatelas Mostra individual Biblioteca Pública do Paraná Curitiba, PR (2000) - Caricatelas Mostra individual Galeria Matterello SP (2000) - Projeto Itinerante entre Cidades Estado do Mato Grosso do Sul (2003) -Caricatelas Pantanal Museu de Arte Contemporânea Campo Grande, MS (2005) - Caricatelas Pantanal Galeria Lafayette Paris, França (2006) - Mostra Individual na Galeria Marcelo Neves São Paulo, SP (2006) -Chapel School Artshow Coletiva São Paulo, SP (2006) - Mostra Coletiva Golf Centro Cultural Blue Life São Paulo, SP (2006) - Expõe nas galerias Di Gianni Art Contemporanea e Galeria de Arte Lagard Buenos Aires, Argentina (2007) - Mostra individual de Charges Políticas e Telas (Caricatelas - Pantanal) Secretaria da Cultura Bauru, SP (2007) - Classificado em primeiro lugar no Concurso Mapa Cultural do Estado de São Paulo Região de Ribeiro Preto SP


Sobre a entrega

A Art Inspirada Galeria é responsável pela entrega de todas as obras de arte, sempre através de empresas conhecidas no mercado como DHL, CTT, UPS ou similares, a critério da Art Inspirada Galeria.

Assumimos todos os custos de envio e impostos no país de origem dos produtos (Portugal). No entanto, não nos responsabilizamos pelo pagamento de impostos extras após a chegada da obra no país de destino. Para entregas fora do espaço Schengen, não podemos garantir que o trabalho não será retido na alfândega do país de destino. Isso vai além das nossas possibilidades. Quaisquer custos decorrentes de eventual desembaraço aduaneiro devem ser arcados pelo usuário/comprador.

O prazo de entrega varia de 2 a 15 dias úteis, no entanto, pode chegar a 30 dias para países fora do espaço Schengen. O prazo de entrega é contado a partir da data de envio da peça e não da data em que o pedido foi aceito.

Em caso de impossibilidade de entrega na morada indicada, o utilizador terá a opção de cancelar a encomenda ou indicar uma morada de entrega alternativa. Caso não haja sucesso na entrega da obra, um novo envio estará sujeito ao pagamento de um frete adicional.

A obra deve ser recebida pessoalmente pelo usuário que efetuou a compra ou pela pessoa indicada pelo mesmo.

O rastreamento da entrega do pedido pode ser feito através da página da empresa contratada pela Art Inspirada Galeria, no link e com o código de rastreamento fornecido ao usuário.

Caso haja alguma dúvida quanto à entrega ou impossibilidade de entrega no endereço fornecido pelo usuário, você poderá entrar em contato com a Galeria Art Inspired pelo e-mail: info@artinspirada.com, teremos o maior prazer em ajudar.

Sobre a responsabilidade de envio

Para além da responsabilidade da Art Inspirada Galeria, em caso de avaria ou avaria, a empresa responsável pelo envio, DHL, CTT, UPS ou similar, também é inteiramente responsável pela obra, responsabilizando-se por quaisquer danos causados. Todas as obras são seguradas em caso de danos ou perda do produto. Em caso de identificação de danos na obra, o usuário deve entrar em contato imediatamente com a Art Inspirada Galeria pelo e-mail: info@artinspirada.com. A Art Inspirada Galeria acompanhará cada etapa do processo.

Assumimos todos os custos de envio e impostos no país de origem dos produtos (Portugal). No entanto, não nos responsabilizamos pelo pagamento de impostos extras após a chegada da obra no país de destino. Para entregas fora do espaço Schengen, não podemos garantir que o trabalho não será retido na alfândega do país de destino. Isso vai além das nossas possibilidades. Quaisquer custos decorrentes de eventual desembaraço aduaneiro devem ser arcados pelo usuário/comprador.